Policial

TONY CLAYTON

Corpo encontrado em Terra Boa é de homem desaparecido em Cianorte, diz polícia

05/01/2019 12H20

LATROCÍNIO Corpo encontrado em Terra Boa é de homem desaparecido em Cianorte
Segundo a polícia, o supervisor de vendas Tony Clayton teria sido morto na madrugada em que desapareceu (foto redes sociais)

 

Terra Boa – Um corpo queimado encontrado no último dia 1º na área rural de Terra Boa seria do supervisor de vendas Tony Clayton Pereira, 35 anos, segundo a polícia.

Na noite de sexta-feira (4) o autor confesso do crime, um homem de 24 anos, teria levado os investigadores até o local, na estrada Progresso. Clayton teria sido morto ainda na madrugada do dia 29 de dezembro, quando desapareceu, em Maringá.

O caso está sendo tratado como latrocínio, ou seja, roubo seguido de morte. O suspeito do crime está preso. Agora a polícia investiga se ele agiu sozinho ou se há outras pessoas envolvidas na morte.

O corpo queimado foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Campo Mourão, onde permanecia sem identificação oficial até o fim da manhã de sábado (5). Um exame de DNA deve comprovar a identidade do supervisor ou não.

O CRIME

Segundo a polícia, o suspeito contou que teria havido uma discussão entre ele e a vítima por causa do valor de um suposto encontro, em Maringá. O último registro do celular da vítima é em Sarandi, na região metropolitana de Maringá.

Durante a divergência, o autor do crime teria aplicado um golpe mata leão na vítima, colocado o corpo no carro do supervisor e levado até a área rural de Terra Boa, onde teria ateado fogo na vítima.

Ainda segundo a polícia, na sequência, o criminoso teria seguido no carro da vítima para Araruna, na casa da mãe. O veículo de Tony Clayton, um Fiat Stillo prata, foi encontrado encoberto em uma plantação de pinheiros na área rural de Araruna, na tarde de sexta-feira (4), pela Polícia Militar. Segundo a PM, o veículo antes estaria na garagem da casa dos pais do suspeito.

Ao ser interrogado pela polícia, o homem teria confessado o crime e levado os policiais até o local onde estaria o corpo do supervisor. No ponto indicado, foi constatado que o corpo foi recolhido ao IML de Campo Mourão, sem identificação, três dias antes.

DESAPARECIMENTO

O supervisor de vendas Tony Clayton desapareceu na madrugada do dia 29 de dezembro de Cianorte, quando teria sacado dinheiro para seguir viagem ao interior de São Paulo, onde tem familiares.

Sem notícias, amigos começaram a procura por Clayton através das redes sociais depois da família contar que o jovem não chegou para as festas de passagem do ano. Na manhã de quarta-feira (2) um boletim de ocorrência foi formalizado na delegacia da Polícia Civil de Cianorte.

Começava ali a busca pelo supervisor, que terminou na noite de sexta-feira (4) de forma trágica.