Aragão Filho

24/11/2018

Aragão Filho

24/11/2018 08H14

Foto dia

boia.jpg

Formandos de Aparecida do Oeste

O prefeito de Tuneiras do Oeste, Taketoshi Sakurada, o popular Boia, se reuniu nesta semana com os estudantes que estão concluindo o Ensino Médio no distrito de Aparecida do Oeste.

Ele disse:

É preciso “refundar” o Ministério da Educação no contexto da valorização da educação para a vida e a cidadania a partir dos municípios”.

De Ricardo Vélez Rodríguez, futuro ministro da Educação.

E já que perguntar não ofende…

Se mais de 500 mil estudantes estão com os nomes sujos porque não conseguiram pagar o FIES, o filho do pobre que chegou à universidade ganhou o quê mesmo?

Geopolítica

O Brasil volta a se afinar com a geopolítica norte-americana com o governo Bolsonaro.

O tom das relações já foi dado pelo assessor de Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Bolton, que estará no Brasil na próxima semana para se encontrar com o presidente eleito:

– “Ansioso para encontrar com o próximo presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, no Rio, em 29 de novembro. Compartilhamos muitos interesses bilaterais e trabalharemos de perto para aumentar a liberdade e a prosperidade em todo o Hemisfério Ocidental”.

Papo rápido

– Os advogados do Lula vão pedir que ele vá para o regime de prisão domiciliar…

– Em qual domicílio se ele mesmo já disse que nenhum dos imóveis lhe pertence?

Natal sem luz

A prefeitura de Londrina avisou que não tem recursos para ajudar a iluminar a cidade para o Natal e, depois de muitos anos, a Capital do Café não terá iluminação para os festejos natalinos.

Maringá, que investe cada vez mais nas atrações de Natal, agradece e estende tapete vermelho para receber os consumidores de Londrina.

Enquanto isso, Umuarama vai se estabelecendo como atração regional por conta do investimento feito na decoração da cidade e na agenda de atrações natalinas.

Recado

Ricardo Vélez Rodriguez, futuro ministro da Educação, mandou recado tipo papo reto ao povo brasileiro:

Pretendo colocar a gestão da Educação e a elaboração de normas no contexto da preservação de valores caros à sociedade brasileira, que, na sua essência, é conservadora e avessa a experiências que pretendem passar por cima de valores tradicionais ligados à preservação da família e da moral humanista.”

Exatamente o contrário do que vinha sendo feito até agora com aquelas discussões sobre gênero, sobre escola com ou sem partido, e a educação brasileira passando a maior vergonha nos indicadores internacionais.

Não que tais temas não tenham importância, tem, mas até para debatê-los é preciso que o aluno saiba antes pelo menos ler e escrever, o que não ocorre hoje com a legião de analfabetos funcionais que estão saindo das escolas.

Ping-pong

O petista Fernando Haddad mandou a raquetada:

– “Estamos com o radar ligado para mobilizar as forças progressistas de outros países, uma vez que essa onda conservadora tem um caráter internacional”.

O jornalista Augusto Nunes rebateu a raquetada:

– “Fernando Haddad, candidato à Presidência pelo PT surrado nas urnas, sem esclarecer se as forças que pretende mobilizar incluem companheiros tão progressistas quanto Nicolás Maduro, ditador venezuelano, Evo Morales, há 12 anos na gerência da Bolívia, e Raúl Castro, que herdou Cuba do irmão Fidel, fora o resto”.