Umuarama

MERCADO

Preço do boi volta a subir e espanta consumidores dos açougues de Umuarama

12/07/2020 07H20

carne_cara_umuarama

O preço do boi gordo apresentou nova alta chegando a R$ 212,00 neste sábado (11) em Umuarama. Esta foi a maior cotação desde janeiro deste ano, quando o índice era de R$ 175,00 por arroba. A elevação do produto assustou os consumidores, que estão reduzindo o consumo e levou preocupação dos empresários do varejo de carnes.

Conforme cotação de preço realizada pelo Departamento de Economia Rural (Deral) da Secretaria Estadual da Agricultura e Abastecimento (Seab), em Umuarama, o valor da arroba do boi gordo começou a subir na segunda quinzena de junho e ontem fechou próximo ao valor mais alto desde dezembro de 2019, quando a arroba era cotada a R$ 220,00.

Com o aumento do preço os consumidores começaram reduzir a compra de carne vermelha, disse o proprietário de casa de carnes Jackson Feitosa. “Uma carne que pagávamos R$ 13,60 o quilo, hoje custa R$ 15,70. Estamos fazendo de tudo para não repassar 100% da alta para os nossos clientes, mas é difícil, até pela situação econômica imposta pela pandemia do coronavírus”, disse.

Ainda segundo o empresário, o consumidor que vinha comprando R$ 500,00 mês em carne bovina passou a gastar R$ 300,00. “As pessoas acabam comprando outra carne, mas o consumo reduziu. Isso já começa a refletir na economia, pois como não podemos abrir no domingo, o dinheiro circula menos e ficamos preocupados”, ressaltou.

boi_gordo_alta_umuarama

PREÇO VAI CAIR

A boa notícia para os amantes do churrasco é que a alta da carne não deve se sustentar. Segundo Rafael, responsável pelo setor de compra de bovinos de frigorífico, a elevação na arroba do boi gordo neste período do ano é normal. Ele explicou que devido a seca e as poucas chuvas, a oferta de gado reduziu.

Entretanto, ainda segundo o entrevistado, a previsão é que a cotação da arroba do boi gordo volte a cair nas próximas semanas. “Essa alta não se sustenta. Não tem consumidor para carne nesse valor, ainda mais na crise econômica que estamos passando. Mesmo com a exportação, 70% da economia da carne depende do mercado interno”, explicou.

Ainda segundo o profissional, as suspensões de importações de carne por parte da China também podem influenciar na queda da cotação da arroba do boi. “É difícil fazer uma previsão, mas é possível que tenhamos um registro de 10% de queda no preço da arroba”, finalizou.

carne_preco_alto