Cotidiano

Fiscalização

Umuaramenses contaminados continuam espalhando coronavírus pela cidade

21/07/2020 09H19

Apesar da ampla divulgação das medidas preventivas pela mídia, redes sociais da Prefeitura e entidades parcerias no combate à pandemia do coronavírus, as fiscalizações da força tarefa composta por fiscais da Vigilância Sanitária e setores de arrecadação e alvará, com apoio da Guarda Municipal, ainda flagram muitos cidadãos descumprindo as normas e colocando a própria saúde em risco, bem como a de terceiros.

Entre sexta-feira, 17, e o último domingo, 19, a Guarda Municipal participou de mais de 100 ações junto com a fiscalização ou por meio de denúncias ao telefone 153.

DENÚNCIA

Na sexta-feira houve fiscalização em um clube da cidade, denúncia de paciente positivo para Covid-19 desrespeitando o isolamento nas imediações da Estação Rodoviária, aglomeração em festa residencial no Parque Industrial, pessoa sem máscara em fila de lotérica e orientação a comércios em relação do decreto municipal 189/2020 (sobre horários e condutas para mercados, mercearias e açougues, bares, conveniências e distribuidoras de bebidas alcoólicas, restaurantes, pizzarias, lanchonetes, carrinhos de lanche, sorveterias, padarias e afins).

Foram visitados vários bares, mercearia, espetinho, conveniência, casa de carne e igreja evangélica, que receberam orientações e um estabelecimento foi autuado.

SÁBADO

No sábado o volume de ações foi maior. A GMU recebeu denúncias de casa no Jardim Alvorada que funciona como bar, bares abertos além das 18h, com aglomeração, consumo de bebidas no local e jogos de sinuca e baralho – proibidos em local público deste março, por decreto municipal –, tanto na sede quanto nos distritos (Roberto Silveira, Vila Nova União), aglomerações em postos de combustíveis, venda de bebidas pelos fundos do estabelecimento e festas em residências.

A fiscalização notificou 15 bares, lanchonetes e outros estabelecimentos da região central e bairros por descumprimento às normas e orientou outros oito locais (mercarias, postos de combustíveis, bares, lanchonetes e festa em empresa), além de várias denúncias de festas familiares que foram orientadas ou encerradas e venda de bebidas sem alvará, cujo responsável foi notificado.

DOMINGO

O trabalho se estendeu pelo domingo, com vários estabelecimentos visitados funcionando de acordo com os decretos municipais, uma casa agropecuária foi orientada e uma confraternização em campo de futebol foi encerrada. Houve denúncias contra conveniência e circulação de pessoas positivas para Covid-19 em Serra dos Dourados, repassados à Vigilância Sanitária; denúncia de aglomeração em Santa Eliza, em residências de Umuarama, panificadora e bar aberto (para receber materiais de construção) foram orientados.

Uma panificadora, um cabeleireiro, três conveniências de postos e um lanche foram notificados. A força tarefa realizou ainda orientações e interdição no Lago Aratimbó, cidadãos em situação de rua foram abordados e orientados tanto no lago quanto na Praça Arthur Thomas; uma loja de conveniência foi autuada no Primeiro de Maio e um estabelecimento com mesas na calçada também foi orientado.

FISCALIZACACAO_UMUARAMA_CORONAVIRUS (2)