Cotidiano

NO SONHO MEU

Traficante presa é acusada de participar de morte por disputa de boca de fumo

22/08/2020 16H37

Uma mulher de 29 anos foi presa nesta sexta-feira (21) acusada de participar da morte de Douglas Rodrigo Monteiro da Silva, de 22 anos, segundo a Polícia Civil.

O jovem foi executado a tiros no meio da rua no conjunto Sonho Meu, em Umuarama, no último dia 11 de julho. A suspeita está recolhida na cadeia pública local. Segundo a polícia, P.C.D.O. conduzia um Toyota Corolla usado para dar fuga ao atirador, que é seu namorado.

O homem, identificado como M.A.N.L. de 24 anos, é considerado foragido da Justiça. Contra ele já há um mandado de prisão em aberto.

PONTO DE TRÁFICO

Segundo a polícia, as investigações apontam que o crime foi motivado pela disputa de um ponto de venda de entorpecentes no bairro. Atirador e vítima já tinham passagens pelo sistema penitenciário e eram monitorados eletronicamente, através de tornozeleira, pela Justiça.
Segundo a polícia, o mandado de prisão e de busca e apreensão contra a mulher foi comprido na tarde de sexta-feira. Na residência da suspeita ainda foram encontradas duas pequenas porções de crack e cocaína, o que motivou a autuação por posse de drogas para consumo pessoal.

O CRIME

Douglas Rodrigo Monteiro foi executado com diversos disparos de uma pistola nove milímetros por volta das 22h30 de 11 de julho último, na esquina das ruas Olavo Bilac com Laurindo Rabelo, no Conjunto Sonho Meu, em Umuarama.