Esportes

CLASSIFICADO

Red Bull Bragantino vence o Santo André e retorna à semifinal do Paulistão após 15 anos

23/03/2022 21H54

Jornal Ilustrado
Bragança Paulista (AE) - Quinze anos depois, o Red Bull Bragantino está na semifinal do Campeonato Paulista. A classificação foi confirmada na noite desta quarta-feira ao derrotar o Santo André por 1 a 0, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. A última vez que ficou entre os quatro foi em 2007, quando caiu no empate sem gols diante do Santos.

O Red Bull Bragantino agora aguarda para conhecer seu adversário na próxima fase. Já o Santo André dá adeus, uma vez que não tem mais chance de entrar no Troféu do Interior.

Um dos candidatos ao título do Paulistão, o Red Bull Bragantino foi dominante no primeiro tempo e não deixou o Santo André respirar. A equipe do técnico Maurício Barbieri apostou na marcação pressão, sufocou o adversário e começou a perder uma chance atrás da outra de abrir o marcador.

De tanto insistir, o Red Bull Bragantino inaugurou o marcador aos 40 minutos. Artur recebeu dentro da área, ajeitou para a perna esquerda e fez um golaço, o quarto na temporada. O atacante, no entanto, se lesionou e precisou ser substituído no intervalo, gerando preocupação para o duelo da semifinal.

O segundo tempo foi de pouca inspiração de ambas as equipes. O Red Bull Bragantino se acomodou, colocou a classificação em xeque, mas não chegou a sofrer pressão do Santo André. Apesar de não pressionar, o time de Bragança ainda criou algumas oportunidades, a exemplo da cabeçada de Luan Cândido, rente à trave.

Com a vitória praticamente definida, Maurício Barbieri promoveu a entrada do estreante Carlos Eduardo, ex-Palmeiras. O jogador, no entanto, praticamente não tocou na bola. Fato semelhante ocorreu com o Santo André. Thiago Carpini jogou o time no ataque apenas no fim, mas não teve tempo de evitar a eliminação.

FICHA TÉCNICA

RED BULL BRAGANTINO 1 X 0 SANTO ANDRÉ

RED BULL BRAGANTINO - Cleiton; Aderlan (Andrés Hurtado), Realpe, Léo Ortiz e Luan Cândido; Jadsom SIlva, Eri Ramires (Lucas Evangelista) e Hyoran; Artur (Helinho), Bruno Tubarão (Sorriso) e Ytalo (Carlos Eduardo). Técnico: Maurício Barbieri.

SANTO ANDRÉ - Jefferson Paulino; Jeferson, Luiz Gustavo, Carlão e Kevin; Serginho (Giovanny), Dudu Vieira (Carlos Jatobá), Bruno Xavier (Lucas Cardoso) e Thiaguinho (Gustavo Nescau); Lucas Tocantins e Júnior Todinho (Emerson Lima). Técnico: Thiago Carpini.

GOLS - Artur, aos 40 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Raphael Claus.

CARTÕES AMARELOS - Realpe (Red Bull Bragantino) e Luiz Gustavo (Santo André).

RENDA - R$ 70.325,00.

PÚBLICO -  3.530 torcedores.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).