Região

Alerta

Queda de árvores nas rodovias da região de Umuarama leva perigo para motoristas

09/10/2021 08H38

Os órgãos de segurança e saúde que atuam nas rodovias do Paraná registraram um volume de árvores tombadas em rodovia na última semana. Os incidentes surgiram com o vendaval que atingiu parte do Estado na última semana e chama a atenção para a legislação de plantio de árvores próximo às rodovias.

Felizmente não houve registro de morte com a queda das árvores, porém carros foram atingidos enquanto rodavam pelas rodovias. Foi o caso de um Volkswagen Voyage que trafegava na PR-485, entre Alto Paraíso e o distrito de Casa Branca. Por volta das 18h30 um eucalipto caiu e atingiu o teto do veículo, que estava ocupado por duas pessoas. O passageiro do carro, que preferiu não se identificar, acredita que não teria sobrevivido se o banco estivesse centímetros para frente. “O local não dava sinal de celular, não conseguíamos chamar o socorro. Acho que uns 10 eucaliptos caíram. Foi uma experiência horrível”, disse o homem que voltava para Umuarama e teve lesões musculares.

De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) pelo menos cinco situações de quedas de árvores em pistas foram atendidas na área da 4ª Companhia de Polícia Rodoviária de Maringá. Entre os registros, houve ocorrências na PR-323 entre Umuarama e Lovat e na PR-485 no percurso de Xambrê para Casa Branca e Casa Branca para Alto Paraíso.

Legislação

Segundo informações da assessoria de comunicação do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-PR), quanto ao plantio de árvores próximo às rodovias, o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece o seguinte: “Art. 50. O uso de faixas laterais de domínio e das áreas adjacentes às estradas e rodovias obedecerá às condições de segurança do trânsito estabelecidas pelo órgão ou entidade com circunscrição sobre a via”.

Desta forma, atualmente o Manual de Segurança Rodoviário do DER/PR, que é o órgão responsável pelas rodovias estaduais, estabelece uma área livre ideal de borda da pista de 9 metros. Porém, O manual está sendo revisado e em uma edição futura seguirá as normas da ABNT, que determina a zona livre em função do volume de tráfego, velocidade da via, parâmetros geométricos e características topográficas.

ALERTA PREVISÃO

As chuvas continuam intensas na região de Umuarama, conforme o Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar). Por isso, a atenção dos motoristas deve ser redobrada e em situação de ventos fortes o melhor é não pegar a estrada.

Para hoje, um sistema de baixa pressão atmosférica ganha força, o que aumenta bastante os índices de instabilidade nas diversas regiões paranaenses. Chove em vários momentos do dia, com risco de tempestades especialmente no interior do Estado. No oeste e no noroeste a chuva deve ser expressiva. Para o domingo a situação permanece.