Umuarama

Agricultura

Produtores de Lovat colhem morango o ano todo

24/08/2018 15H48

Lovat – Airton Fadelli e Ivanilde Fadelli deixaram a cidade para buscar no campo o sonho de uma vida saudável, longe do estresse do centro urbano. O casal começou a produzir café, laranja e banana em uma pequena propriedade rural em Lovat, distrito de Umuarama, mas foi no morango que os agricultores acharam seu maior potencial de renda. Hoje os Fadellis são os primeiros agricultores do município a produzirem o fruto o ano todo, pois investiram no sistema de estufa.
Airton continua cuidando da laranja e banana, frutos entregues nos programas da prefeitura de Umuarama e também do café. Mas, ele também divide o tempo para ajudar Ivanilde na produção do morango, que se transformou na paixão dos agricultores. “Uma pequena propriedade precisa de diversificação. No morango começamos há dois anos e é uma cultura que precisa de zelo e carinho, mas também tem boa rentabilidade”, disse o agricultor.
Segundo o agrônomo da prefeitura de Umuarama, Márcio Rezende, o método usado pelos agricultores de Lovat é o futuro para a produção de morango. “A produção em estufa facilita o manejo e garante uma produção com picos durante o ano, mesmo com o calor. Com isso os agricultores podem fechar parcerias com empresas do gênero alimentício, pois vão ter o produto para entregar”, informou.
O morango em estufa é produzido em slabs (sacos com substrato), ou seja, a planta cresce em sacos com substratos, por onde também passa uma mangueira que leva fertilização e a irrigação necessária para suprir as necessidades da planta. “O Airton e a Ivanilde são os primeiros a ingressar neste tipo de produção em Umuarama. No próximo ano teremos mais dois produtores utilizando a estufa e os slabs”, contou Rezende.
Ivanilde é quem passa mais tempo com os morangos e segundo ela a plantação não recebe agrotóxicos químicos e para controle das pragas usa o ácaros predadores e produtos biológicos. “Não usamos veneno na nossa produção e nossa meta é produzir oito mil quilos de morango por ano. Hoje temos quatro mil pês de morango”, ressaltou.

Venda

Um dos pontos positivos da produção dos Fadellis é a constância, quando o produto entra na entre safra os produtores continuam entregando morango no comércio de Umuarama. Hoje entre seus clientes estão pizzarias, restaurantes, sorveterias, confeitarias, supermercados e além dos consumidores do varejo de rua. “Estamos no segundo ano de produção do morango e está sendo muito vantajoso. A estrutura montada aqui na propriedade foi feito por nós, então tivemos uma economia no investimento. Hoje o que vendemos completa nossa renda e nos proporciona qualidade de vida”, explicou Airton Fadelli.

Assistência técnica

O agrônomo Márcio Rezende explica aos produtores que buscam entrar na cultura do morango em estufa procurar a Secretaria de Agricultura de Umuarama. “A Prefeitura oferece assistência técnica de como instalar a estufa, como também na produção dos frutos. Como disse o Airton, a propriedade rural precisa de diversificação e o morango chega para isso”, disse.