Cotidiano

ELUCIDADO

Preso em Tapejara suspeito de executar homem por dívida com o tráfico

04/11/2020 20H07

A Polícia Militar cumpriu mandado de prisão preventiva contra um jovem de 18 anos suspeito de executar a tiros Anderson Fogaça Alves, 28 anos, no último dia 10 de outubro, em Tapejara, a 50 km de Umuarama. A prisão foi determinada pela Justiça e ocorreu por volta das 16 horas desta quarta-feira (4), em um posto de combustível, em Tapejara. Ele deve ser encaminhado para a Penitenciária Estadual de Cruzeiro do Oeste, distante 26 km.

Segundo o delegado da Polícia Civil de Cruzeiro do Oeste, Izaias Cordeiro de Lima, responsável pela investigação, o suspeito ainda não foi ouvido, mas a linha de investigação é de que o suspeito seria um cobrador de dívidas de drogas e a vítima seria usuária de entorpecentes. A tese é que Alves morreu porque não teria pago uma dívida com traficantes.

O CRIME

O crime ocorreu por volta das 15h45 do dia 10 de outubro, na frente de um bar, na rua Quintino Bocaiúva, na área central da cidade.

Segundo a Polícia Militar o atirador passou de bicicleta, efetuou os disparos e fugiu. Uma ambulância chegou a ir até o local, mas o médico apenas constatou o óbito. Segundo a PM, a vítima recebeu pelo menos sete tiros. No local foram encontrados 8 estojos de pistola 9 mm.