Vida e Cultura

Relembrando

“Presença de Anita” revelou a atriz Mel Lisboa

05/06/2020 07H24

Baseada no romance do jornalista Mário Donato, lançado em 1948, a minissérie “Presença de Anita” teve texto assinado por Manoel Carlos. A trama foi exibida originalmente na Rede Globo em 2001, de 07 a 31 de agosto, totalizando 18 capítulos. Com um tom de mistério e sedução, “Presença de Anita” contava a história de obsessão e paixão dos personagens Anita e Fernando, interpretados pela estreante Mel Lisboa e pelo veterano José Mayer. Em meio a uma crise conjugal, Fernando e a esposa Lúcia Helena (Helena Ranaldi) decidem passar alguns dias na pacata Florença, cidade fictícia do interior de São Paulo onde morava a família da mulher. A tentativa de salvar o casamento é abalada pela chegada da jovem Anita, que tinha se mudado recentemente para o local.  

Apesar de demonstrar um ar de inocência, Anita era provocante e dominadora. A moça transformou a rotina do casal e se envolveu com Fernando, que enxergava na garota sua inspiração para escrever um novo romance. A paixão entre os dois gerou uma obsessão incontrolável e Anita passou a ameaçar o amante para que ele se separasse da esposa.

Com direção geral de Ricardo Waddington e Alexandre Avancini, “Presença de Anita” também fez sucesso fora do Brasil e foi exibida em países como Equador, Honduras, Portugal, Nicarágua e Uruguai.       

A escolha da atriz que iria interpretar a protagonista não foi fácil. Manoel Carlos e Ricardo Waddington queriam uma atriz desconhecida. Mel Lisboa, estudante na época, foi escolhida entre mais de 100 jovens, e não decepcionou, mostrando uma Anita sensual e terna. Curiosamente, Mel Lisboa foi a última atriz a ser escalada, pois Manoel Carlos não estava conseguindo encontrar artista com o perfil da personagem.

As externas da minissérie foram feitas em Vassouras (RJ), que serviu como cenário da fictícia cidade de Florença.