Cotidiano

EM UMUARAMA

Presa mulher que aplicou golpe milionário. Prejuízo passa de meio milhão

28/08/2020 21H15

Uma mulher de 51 anos foi presa acusada de aplicar um golpe milionário que deixou um prejuízo estimado de meio milhão de reais às vítimas, segundo a Polícia Civil de Umuarama. Ela foi detida na tarde desta sexta-feira (28), em sua residência e por força de mandado de prisão preventiva.

JOIAS

Na casa da suspeita a polícia ainda apreendeu uma grande quantidade de joias. Até o momento pelo menos quatro vítimas já procuraram a polícia para denunciar a estelionatária. A expectativa é que com a prisão outras vítimas se apresentem.

Segundo o delegado adjunto da 7ª SDP, Gabriel Menezes, a mulher, identificada como I.C.D. comprava joias e semi-joias com cheques pré-datados e antes da data do vencimento sustava os mesmos junto aos bancos, deixando as vítimas sem as joias e sem o dinheiro.


O GOLPE

De acordo com a polícia, as investigações tiveram início após um grupo de empresários procurar a Delegacia de Polícia de Umuarama noticiando que foram vítimas de estelionato. As vítimas informaram que trabalham com venda de joias e semijoias e que a investigada realizou, em datas distintas, a compra de grandes quantidade desses objetos e efetuou o pagamento mediante cheque pré-datado.

Ocorre que conforme as datas de vencimentos dos cheques se aproximavam a suspeita sustava os títulos junto ao banco e não realizava o pagamento das mercadorias.


MAIS VÍTIMAS

Enquanto as investigações estavam em curso uma outra pessoa chegou a procurar a polícia, informando que a investigada tentou adquirir joias e semijoias da sua empresa da mesma forma como teria feito com as demais vítimas, mas a negociação não se concretizou.


VENDA ONLINE

A investigada possui um perfil em uma rede social onde ela comercializa as joias adquiridas e não pagas. As fotografias dos produtos oferecidos nas redes sociais foram apresentadas às vítimas, as quais reconheceram parte dos produtos expostos.