Umuarama

UMUARAMA

Pimentel anuncia decreto flexibilizando mais as medidas contra covid-19

18/09/2021 10H42

Prefeito em exercício vai adequar Umuarama ao decreto estadual

Com a redução dos casos de covid-19, a diminuição da ocupação de leitos hospitalares e o recente decreto do governo do Paraná flexibilizando as ações de combate ao coronavírus, a Prefeitura de Umuarama deve publicar um novo decreto no início da semana (dia 21) adequando as medidas do município ao decreto estadual. O prefeito em exercício Hermes Pimentel pretende se reunir com a equipe do Centro de Operações de Enfrentamento (COE) Municipal na segunda-feira, 20, para discutir as mudanças necessárias e a edição de normas municipais.

“É preciso tranquilizar os comerciantes para a realização de suas atividades. Como o governo do Estado tem um panorama mais amplo da situação em todo o Paraná, vamos adequar as medidas locais ao decreto 8.705/2021, assinado pelo governador Ratinho Júnior no dia 14, e flexibilizar o funcionamento dos estabelecimentos comerciais e prestadores de serviço, principalmente no horário noturno”, declarou Pimentel.

O decreto do Estado permite a livre circulação e a venda de bebida alcoólica durante a madrugada. Eventos poderão receber até mil pessoas, desde que respeitem o limite de capacidade de 50% para locais fechados e 60% para locais abertos. Os participantes precisam estar com o esquema vacinal completo contra a covid-19 ou apresentar exame RT-PCR negativo.

A norma permite o consumo de bebidas e comidas em eventos, porém é necessário usar máscara cobrindo o nariz e a boca a todo o momento – exceto para ingestão momentânea de comida ou bebida. A realização de eventos fica restrita em local fechado que não tenha climatização com renovação do ar e Plano de Manutenção, Operação e Controle atualizados; onde o público tenha de permanecer em pé durante a realização; e se houver duração superior a 6 horas, entre outros critérios.

A Secretaria de Estado da Saúde estabelecerá um cronograma de flexibilização das normas restritivas para o controle da pandemia de acordo com o avanço da vacinação, de forma gradativa e escalonada, condicionado ao monitoramento dos casos de covid-19 no Paraná. As medidas podem ser alteradas em razão do cenário epidemiológico ou da situação vacinal.