Cotidiano

Alerta

Pais de adolescente alertam para tentativa de sequestro na rua Anhumai

05/09/2018 14H04

Pais de uma adolescente de 14 anos relataram à reportagem do jornal Umuarama Ilustrado, uma possível tentativa de sequestro da sua filha. A situação teria ocorrido na manhã de hoje, às 07h15, na rua Anhumaí próximo ao Colégio Estadual José Balan.

Conforme a mãe da adolescente, sua filha estava caminhando rumo ao Colégio Estadual José Balan, onde frequenta a 8º ano, quando na esquina da escola foi abordada por um homem dentro de um Corolla de cor preta.

Ainda segundo a entrevistada, que pediu para não ser identificada, o homem puxou a menina pelo braço, entretanto, a sua mochila escolar travou na porta do veículo e a estudante conseguiu sair correndo.

Os pais da menina deixam um alerta para as demais famílias, pois segundo a filha, esta não seria a primeira vez, uma amiga dela também teria passado pela mesma situação. “Ela só me disse que era um homem dentro de um Corolla Preto. Ela saiu correndo para escola e a diretora me ligou, pois minha filha estava branca igual um papel. Fica o alerta”, disse.

CASO DE POLÍCIA

A família procurou a delegacia de Polícia Civil onde o caso foi noticiado. Não foi formalizado um boletim de ocorrência por falta de elementos de identificação da pessoa. “Isso não quer dizer que não estamos investigando. A denúncia foi repassada para o GDE (Grupo de Diligências Especiais) que vai tentar identificar o suspeito. Isso independente do B.O. Se conseguirmos uma identificação, vamos chamar a vítima para fazer a formalização do boletim”, explicou superintendente da 7ª SDP, Milton Cinque.

O policial ainda explicou que o boletim de ocorrência é um documento imprescindível para se instaurar um inquérito policial, mas que para se fazer uma investigação basta uma denúncia. “Temos alguns elementos, como o lugar onde ocorreu, o momento e o relato da vítima. Agora vamos tentar identificar o suspeito”, afirmou.