Luís Irajá Nogueira

25/09/2021

NA GUERRA OU NA PRÓPRIA VIDA, MUITAS VEZES O RECUO PODE SER UM ATO DE SABEDORIA, E NÃO DE FROUXIDÃO

25/09/2021 10H15

Luís Irajá Nogueira de Sá Júnior

Sun Tzu (544 a.C. – 496 a.C.), foi um general, filósofo chinês e estrategista. Autor do livro A Arte da Guerra, é o principal nome relacionado a escola militar de filosofia chinesa. É dele a frase: “A suprema arte da guerra é derrotar o inimigo sem lutar”.

A guerra do século XXI não é somente de ideologia política, nem de ambição financeira e nem bélica. Tem tudo isso, mas não é só isso. A guerra é, principalmente, do mal contra o bem, e, nossos líderes estão buscando preservar os princípios judaico cristão (Deus, pátria, família, etc.). Por esta razão, valendo-se da sabedoria universal, o Presidente Bolsonaro usou de estratégia de guerra para erguer a bandeira da paz, pois, na guerra e na própria vida de cada uma das pessoas, muitas vezes um recuo pode ser um ato de sabedoria, e não de frouxidão. É preciso saber que o “jogo” que está sendo jogado é perigosíssimo. Não é para amadores.

O quadro da geopolítica mundial mudou. Porque será que os militares dos EUA nada fizeram diante da dominação de políticas não republicanas? É fácil responder essa questão. Hoje, os EUA não aguentam uma guerra contra a China e Rússia, parceiros, um do outro, “até debaixo d’água”. Sendo assim, se, no Brasil, os militares tomarem o poder à força, a China, com base no pacto internacional assinado com o governo Dilma, invadiria militarmente o Brasil, gerando, no mínimo, milhares e milhares de morte, e, ninguém, ou seja, nenhum outro país defenderia o Brasil. Vale lembrar que a China já montou uma base militar na Argentina, e, a Rússia na Venezuela.

Os EUA, a Bolívia, o Panamá, a Venezuela, a Argentina e a Europa não são mais os mesmos. O dragão vermelho avança nestes territórios, sobretudo pela Europa a dentro, onde os países viraram reféns dos chineses. O plano comunista de escravidão e dominação vem dando certo até o momento. Bolsonaro sabe até onde ir sim, e o Brasil é a única resistência à nova ordem mundial e ao comunismo. Nosso Presidente levantou o moral das Forças Armadas e hoje conta com ela para desempenhar a dificílima missão de salvar o futuro das novas gerações.

O grande estrategista do governo chama-se General Augusto Heleno. Patriota e determinado, é um homem admirável dentro e fora das Forças Armadas. Juntos, Bolsonaro e Heleno, seguem vencendo a luta contra o comunismo de palmo a palmo e de metro em metro. No Brasil, não se chega a General por indicação de qualquer espécie. A formação de um oficial do Exército é rígida e criteriosa. Apesar de nossos Generais estarem entre os melhores do mundo, nosso poder bélico ainda é pouco para enfrentar países como a China e a Rússia. Por esta razão, a melhor estratégia, foi sim, o recuo. Porém, tenham certeza que o nosso Presidente sabe o que está fazendo e, tem a sabedoria para agir no momento certo, toda vez que for preciso.

Porque tanto interesse destes países comunistas pelo Brasil? Pelo simples fato de que nesta terra tupiniquim encontram-se riquezas naturais incomensuráveis. Minérios de toda espécie, água potável farta, produção de alimentos com alta tecnologia durante os doze meses do ano. Na verdade, a China está em busca da segurança alimentar de seu povo. Está disposta a fazer o que for preciso para conseguir esse objetivo. Se não conseguirem tomar o Brasil dos brasileiros, deverá “dobrar os joelhos”, eternamente, para os EUA, um dos maiores produtores de alimento do mundo. Logo, nossa tarefa não será fácil. Não desiste de lutar por sua liberdade, sua segurança alimentar, sua dignidade, justamente no momento em que o país mais precisa de você. Tem muita coisa em jogo que, infelizmente, não podem ser reveladas ao povo! São segredos militares e segredos de Estado!

Sun Tzu nos ensina que “A habilidade de alcançar a vitória mudando e adaptando-se de acordo com o inimigo é chamada de genialidade”. O Brasil é o berço da paz, percebem a grandeza disto? Portanto, não vamos nos entristecer ou cair na conversa de pessoas negativas (que jogam o povo contra Bolsonaro e as Forças Armadas). Continuemos firmes no propósito de querer a vitória do povo de bem contra o sanguinário comunismo. Será que o Presidente Bolsonaro pode contar com você e sua família para sairmos vencedores na batalha mundial do mal contra o bem? Pense nisso!

Luís Irajá Nogueira de Sá Júnior

Advogado no Paraná – Palestrante

Professor do Curso de Direito da UNIPAR

iraja@prof.unipar.br