Cotidiano

EM UMUARAMA

Mortes em chácara teriam ocorrido por disputa de pontos de droga, diz polícia

28/10/2020 17H18

Caso está sendo investigado na Delegacia de Umuarama

As duas mortes e uma tentativa de homicídio ocorridas durante o último fim de semana em uma chácara, na Estrada Jurupoca, em Umuarama, teriam ocorrido por causa de disputa por pontos de distribuição de drogas no Parque das Jabuticabeiras, segundo a Polícia Civil.

SUSPEITO

O suspeito de ser o autor dos disparos, identificado como L.R.D.M (24 anos), se apresentou na delegacia da Polícia Civil acompanhado de seu advogado e confessou ter matado Andrey de Lira Biazon, de 35 anos. Ainda segundo a polícia, o suspeito nega ser o autor dos disparos que mataram o segurança da festa Vinícius da Silva Lima, de 26 anos e deixaram gravemente ferida Simone Meira dos Santos, de 31 anos.

PONTO DE DROGAS

Segundo a Polícia Civil, em interrogatório o suspeito contou que possuía uma desavença antiga com Andrey Biazon, em razão da disputa por pontos de distribuição de drogas no Parque Jaboticabeiras. Ainda segundo a polícia, o suspeito afirmou que durante a festa ele e a vítima se encontraram por acaso, momento em que Andrey Biazon teria o ameaçado e feito menção de sacar uma arma de fogo, ocasião em que o suspeito sacou a arma e efetuou disparos contra a vítima.

EXECUÇÃO

Segundo nota emitida pelo delegado adjunto da 7ª SDP, Gabriel Menezes, a versão apresentada pelo suspeito destoa dos demais elementos de prova colhidos no inquérito. Consta em nota: “Segundo apurado pela Polícia Civil L.R.D.M (24 anos) efetuou o primeiro disparo contra Andrey Biazon pelas costas, na região da cabeça, sem possibilidade de defesa pela vítima, que já teria caído em óbito nesse momento. O suspeito nega essa versão e diz que atuou apenas para se defender”.

OUTROS TIROS

Ainda segundo a polícia, quanto aos disparos contra as outras duas vítimas, L.R.D.M nega que tenha sido o autor. Ele afirma que após atingir Andrey outros disparos foram ouvidos no local. O suspeito acredita que alguém possa ter reagido e atingido estas outras duas pessoas por acidente, mas não soube identificar quem seria este outro suposto atirador.

FESTA

De acordo com a Polícia Civil, inicialmente outras pessoas foram apontadas como coautores do crime, pois estavam na companhia de L.R.D.M. Contudo, segundo a nota emitida pelo delegado Menezes, “a Polícia Civil descarta esta hipótese até o momento. Ao que consta, o autor do crime realmente chegou na festa acompanhado de duas pessoas, mas os três se retiraram do local poucos minutos depois. Segundo apurado, o suspeito L.R.D.M (24 anos) retornou sozinho ao local horas mais tarde e praticou o crime, sem o conhecimento dos outros dois indivíduos que o acompanhavam no primeiro momento”, consta em nota.

Agora as investigações seguem para melhorar apuração da dinâmica dos fatos, buscando revelar se os disparos que alvejaram as vítimas Vinícius Silva Lima e Simone Meira dos Santos também partiram da arma de L.R.D.M (24 anos) ou de outra pessoa que estava no local, de acordo com a Polícia Civil.

O CRIME

Por volta das 4 horas do último dia 24 de outubro, na Estrada Jurupoca, Chácara Água Doce, Zona Rural de Umuarama, ocorreram dois homicídios qualificados contra Andrey de Lira Biazon (35 anos) e Vinícius Silva Lima (26 anos) e uma tentativa de homicídio em desfavor da vítima Simone Meira dos Santos (31 anos).