Cotidiano

NARCOTRÁFICO

Instrutor é preso ao receber droga sintética pelos correios

22/05/2020 16H07

Umuarama – A Polícia Civil apreendeu uma grande quantidade de droga sintética Umuarama.

As 1.025 balas de LSD e os 50 pontos de ecstasy foram enviadas pelos correios e recebidas por um instrutor de 27 anos, na academia onde ele trabalha, no Parque Daniele, em Umuarama. A polícia o prendeu quando ele recebia a encomenda, que veio por sedex de São Paulo. O suspeito, de iniciais A.W.S.S. foi preso em flagrante acusado de tráfico de drogas.

Na casa do suspeito a polícia ainda encontrou 2,5 quilos de maconha, uma porção de haxixe, balança de precisão e R$ 410 em dinheiro trocado. A ação foi no fim da tarde desta quinta-feira (21).

DENÚNCIA

Segundo o delegado-chefe da 7ª SDP, Osnildo Carneiro Lemes, após a denúncia de que a droga seria entregue via correios, uma equipe do Grupo de Diligências Especiais (GDE) se postaram junto a entrada do prédio onde funciona a academia e aguardaram o recebimento do encomenda.

ENCOMENDA

Quando o suspeito recebeu o embrulho foi abordado e quando o pacote foi aberto os policiais encontraram a droga sintética. Ainda segundo o delegado, o suspeito alegou que a droga não seria dele e sim dos antigos proprietários da academia, pois a encomenda seria destinada a eles.

“Essa versão exigiu aprofundamento nas investigações por parte dos Investigadores do GDE, confrontando a versão de A.E.S.S. com as apresentadas pelos antigos donos da
academia, concluindo então os policiais civis que realmente o suspeito mentia”, afirmou o delegado-chefe.

MAIS DROGAS

Na sequência o suspeito levou os policiais até sua residência onde mais drogas foram
encontradas. No local apreenderam 2,5 quilos de maconha manipulada para virar haxixe, uma balança de precisão, dinheiro e haxixe já pronto para comercialização.