Umuarama

Finados

Gavetário e recuperação de terrenos mantêm espaços para sepultamentos no cemitério

03/11/2020 09H32

cemitério_umuarama_finados

O Cemitério de Umuarama recebe no Dia de Finados cerca de 30 mil visitantes e é um dos espaços públicos mais antigos cidade. Hoje o local conta com 13 mil túmulos e há alguns anos sofre com a falta de espaço para novos sepultamentos. Desta forma para aumentar a vida útil do cemitério a diretoria da Acesf (Administração de Cemitérios e Serviços Funerários de Umuarama) vem realizado ações, como a construção do gavetário vertical.

O terreno do Cemitério de Umuarama tem aproximadamente cinco alqueires e por mês são realizados entre 70 a 80 sepultamentos A estrutura caminha junto com a história de Umuarama e ao longo dos anos o espaço do “campo-santo” começou a ficar pequeno para novos túmulos. Hoje apenas a quadra 35 oferece maior espaço para sepultamentos, no local é possível ainda ser construídas 600 gavetas. 

Com o espaço ficando pequeno e a população da cidade crescendo, a Acesf idealizou a construção de blocos gavetários verticais. São 480 gavetas divididas em quatro blocos, sendo uma alternativa aos túmulos tradicionais. Além disso, conforme a diretoria da Acesf, o gavetário apresenta uma série de vantagens, pois a família do falecido não terá custo com manutenção, limpeza ou revestimento da sepultura.

As gavetas são padronizadas e com acabamento em granito e não podem ser vendidas para reserva, como os túmulos. A estrutura conta com sistema de filtragem de gases com carvão ativado e também segue algumas regras: não é permitido queimar velas nas proximidades do gavetário, nem depositar flores. Já as coroas podem ser colocadas apenas no momento do sepultamento.

TÚMULOS IRREGULARES

A Acesf também está convocando as famílias concessionárias a regularizarem a situação de alguns túmulos, ou seja, que foram abandonados entre 1970 a 1990. Ao todo são 1.000 túmulos irregulares, porém, hoje 300 estão em processo de chamamento. Caso os familiares não realizem a regularização, os terrenos serão revertidos para o município aumentando ainda mais a vida útil do cemitério.

PANDEMIA E FINADOS

A Secretaria de Estado da Saúde publicou a nota com as recomendações para prevenção da covid-19 na data de Finados. Os municípios e gestores dos cemitérios devem garantir abertura dos cemitérios em horários estendidos. A população precisa antecipar ou postergar a visita para que seja diluído o fluxo ao longo de mais dias. Crianças e pessoas de grupos de risco (idosos, grávidas, lactantes e portadores de doenças crônicas) não devem frequentar os cemitérios. Além do distanciamento físico, higiene de mãos, limpeza e desinfecção, é obrigatório por força de lei o uso de máscara facial em todo o território do Estado do Paraná.