Cotidiano

Eficiência

Em ação rápida PM prende 5 assaltantes após roubo e confronto em Umuarama

19/03/2022 13H36

Jornal Ilustrado
Os objetos levados por parte dos criminosos foram recuperados após confronto entre a PM e os ladrões no Sonho Meu (foto divulgação Polícia Militar)

Em uma resposta rápida a Polícia Militar de Umuarama em conjunto com equipe do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) de Guaíra prenderam cinco criminosos e recuperaram objetos roubados de uma residência na Praça Anchieta, na Capital da Amizade, na noite desta sexta-feira (18).

Quadrilha

A suspeita é que o grupo faça parte de uma organização criminosa que tem aterrorizado Umuarama e a região desde o fim do ano passado com uma série de assaltos tendo como alvo o roubo de caminhonetes.

Confronto

Durante a abordagem a dois suspeitos, no Conjunto Sonho Meu, houve confronto entre policiais e bandidos e um homem de 24 anos ficou ferido na perna. Seu comparsa, de 35 anos, acabou preso. Contra dos dois presos já consta mandado de prisão em aberto expedido pela Justiça.

Aos policiais a dupla teria confessado a participação no assalto ocorrido pouco antes na Praça Anchieta, onde foi levada também uma caminhonete Toyota Hilux preta. O veículo atravessou a fronteira com o Paraguai às 22h20, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Jornal Ilustrado
Gol apreendido com os criminosos presos em Guaíra era usado como ‘batedor’ pelos assaltantes (foto divulgação BPFron)

Guaíra

Já outros três envolvidos no assalto acabaram presos pelo BPFron em um motel em Guaíra, enquanto aguardavam o recebimento do dinheiro pela entrega do veículo no país seguinte. O trio teria confessado a participação no crime e foi encaminhada para a delegacia da Polícia Civil de Guaíra. Com eles foi apreendido um VW Gol usado como batedor pelos criminosos.

Entenda o caso

Uma equipe da Polícia Militar avistou um VW Gol, ano 2001, cinza, em uma das ruas do conjunto Sonho Meu, por volta das 23 horas de sexta-feira (18). Os policiais teriam percebido que haveria muitos objetos soltos no banco traseiro do veículo, o que chamou a atenção. Ainda segundo a PM, quando os dois ocupantes perceberam a viatura, teriam arrancado com o Gol cinza em direção ao interior do bairro e houve perseguição.

De acordo com a PM, durante a fuga os ocupantes do carro teriam tentado pular pela janela do Gol ainda em movimento, mas acabaram desistindo da ideia e seguiram até o conjunto Império do Sol, onde pararam e adentraram em terreno baldio.

Salvaguarda

Segundo a Polícia Militar, os policiais viram um dos suspeitos já em meio ao mato com algo parecido com uma arma de fogo na mão, e que ao receber a voz de abordagem, o homem teria virado em direção a um dos policiais e apontado o objeto.

Segundo consta na nota da Polícia Militar, “na iminência de que poderia ser alvejado e para salvaguardar a integridade física da equipe, um dos policiais efetuou um disparo de arma de fogo para repelir a injusta agressão, vindo a acertar a perna direita do individuo”.

De acordo com a PM, o segundo suspeito foi abordado pelo outro policial, “que também efetuou um disparo ao constatar que este indivíduo também portava uma arma de fogo, conseguindo na sequência conter o fugitivo”, consta em nota.

Ainda segundo a PM, próximo ao segundo suspeito, de 35 anos, foi localizado uma arma e os policiais perceberam neste momento que era um simulacro de pistola.

Socorro

De imediato uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e encaminhou o suspeito baleado, de 24 anos, até o Hospital Nossa Senhora Aparecida, onde permanecia internado e sob escolta. Após receber alta médica o homem será encaminhado para a delegacia da Polícia Civil e autuado.

Roubo

Já o segundo suspeito detido foi levado para a delegacia. Segundo a PM, a dupla contou que os objetos encontrados no Gol cinza eram de uma vítima de assalto que haviam participado pouco antes na Praça Anchieta.

Segundo a PM, de imediato foi feito contato com a vítima, um homem de 57 anos, que confirmou que ele e sua família haviam sido rendidos e mantidos amarrados por quatro homens armados que roubaram uma série de objetos e a caminhonete Hilux da família.

De imediato foi dado alerta do roubo para todas as forças de segurança. A PRF confirmou que o veículo havia passado pela ponte Ayrton Senna, em direção ao país vizinho cerca de uma hora antes.

Prisão

Já durante a madrugada de sábado (19), a equipe do BPFron de Guaíra informou que conseguiu prender outros 3 homens que estariam envolvidos no assalto. Eles estavam em um motel da cidade usando um VW Gol quando foram encontrados. Um dos criminosos já tinha mandado de prisão em aberto. Outro estava com 24 pedras de crack. A idade dos suspeitos e qual o crime contido no mandado não foram informados.

Aos policiais contaram que já haviam entregue a caminhonete no Paraguai e aguardavam no motel o pagamento do dinheiro referente ao ‘serviço’. Com eles foi apreendido um VW Gol usado como batedor no crime. Todos foram levados para a delegacia da Polícia Civil de Guaíra.