Umuarama

Paralisação

Confederação descarta greve dos caminhoneiros para segunda-feira

03/09/2018 13H16

Umuarama – A Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA) afirma desconhecer qualquer indício de greve entre a categoria e descarta qualquer mobilização entre sua base sindical. O pronunciamento tem relação aos vários áudios e imagens publicadas em grupos de WhatsApp incitando a uma nova greve da categoria dos caminhoneiros, para próxima segunda-feira (9).

Caminhoneiros da região de Umuarama também acreditam que não haverá qualquer movimentação nas rodovias da região. Conforme uma das lideranças local, a qual preferiu não se identificar, não seria o momento de uma nova greve, uma vez que, a situação da alta dos combustíveis, desta vez, está atrelada a elevação do Dólar.

Ainda segundo a CNTA, que tem sua base sindical formada por 140 sindicatos e oito federações espalhados por todo País, o direito de greve legal é instalado somente por meio de assembleias gerais específicas promovidas pelos sindicatos representados da categoria.

A confederação também afirma não há motivos para uma nova paralisação, uma vez que todas as medidas reivindicadas e negociadas com o Governo Federal na mobilização de maio estão sendo cumpridas. O presidente da entidade, Diumar Bueno, destaca “O Governo por meio da Agência Nacional dos Transportes Terrestre (ANTT), estabeleceu uma postura aberta de diálogo com a categoria e vem repassando todas as providências adotadas em relação à lei nº 13.703 que estabelece a instituição do piso mínimo do frete”, ressalto em nota.