Cotidiano

EM UMUARAMA

Condutor embriagado, sem CNH e na contramão causa acidente na Ivo Sooma

13/03/2021 12H15

Foto imagem ilustrativa

Um homem de 55 anos, embriagado, sem habilitação e conduzindo na contramão da direção foi multado em R$ 3.814,99 após se envolver em um acidente de trânsito que deixou uma pessoa ferida, segundo a Polícia Militar. A colisão foi às 19h35 desta sexta-feira (12), na avenida Ivo Shizuo Sooma, no conjunto Ouro Branco, em Umuarama.

Beber e dirigir

O caso, apesar de grave, não é uma situação isolada. Pesquisa da Vigitel 2020, do Ministério da Saúde, realizada nas 27 capitais do país e no Distrito Federal, aponta que em 2019, 5,6% dos entrevistados relataram que ingeriram bebida alcoólica e pegaram o volante na sequência.

Deste total, esse comportamento habitual é mais frequente entre os homens (9,7%). Entre as mulheres, 2,1% das entrevistas admitiram terem conduzido veículos automotores após o consumo de bebidas alcoólicas.

Na totalidade da amostra, tal prática diminuiu a partir dos 35 anos de idade, entre as mulheres, e a partir dos 45 anos entre os homens, aumentando intensamente a escolaridade.

O acidente

Segundo a Polícia Miliar, o acidente ocorreu porque o homem de 55 anos, conduzia um VW Gol cinza pela contramão da avenida Ivo Sooma quando bateu em uma Fiat Strada. O passageiro da pick-up ficou ferido e precisou ser encaminhado ao hospital de plantão pelos socorristas dos Siate, do Corpo de Bombeiros. Ele não corre risco de vida. Os dois condutores não se machucaram.

Sinais de embriaguez

Segundo a Polícia Militar quando os policiais chegaram até o local do acidente verificaram que o condutor do Gol apresentava sinais de embriaguez alcoólica, como odor etílico, olhos vermelhos, entre outros sintomas.

Multas

O suspeito se recusou a fazer o teste do etilômetro, segundo os policiais, mas mesmo assim foi lavrada uma notificação por condução ao volante embriagado no valor de R$ 2.934,70 (10 x o valor da multa gravíssima que hoje está em R$ 293,47).

Sem CNH

Ainda segundo a PM o homem não tem Carteira Nacional de Habilitação, o que gerou uma nova multa no valor de R$ 880,29 (3 x R$ 293,47), além de débitos administrativos do veículo, o que resultou na apreensão do Gol até o pátio do 25º BPM. Já o suspeito foi conduzido até a delegacia da Polícia Civil e deverá ainda responder pelo crime de embriaguez ao volante.

Dados

Dados do último Anuário do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) divulgado em 2019, aponta que no ano de 2018 foram 1.975 condutores inabilitados que se envolveram em acidentes no Estado. O documento não especifica a quantidade de condutores em situação de embriaguez.