Aragão Filho

Coluna Aragão

26/03/2020 07H01

Tuneiras do Oeste controla entradas

O prefeito de Tuneiras do Oeste, Taketoshi Sakurada, o Bóia, reuniu as equipes e decidiu monitorar as entradas e saídas da cidade. O trabalho em parceria com a Polícia Militar, ICMBio, Conselho Municipal de Saúde, Câmara de Vereadores e Secretaria Municipal de Saúde.

Escrito apenas ontem…

A razão é serena. A falta de razão é que precisa de gritos e de ofensas.

– Luís Roberto Barroso.

Telemedicina

A Portaria 467 publicada pelo Ministério da Saúde regulou a telemedicina para permitir, em caráter temporário e excepcional, a interação direta a distância entre profissionais da saúde e pessoas usuárias do SUS (Sistema Único de Saúde), da saúde suplementar e privada.

Papo rápido

– O que é a tal telemedicina que o Ministério da Saúde liberou em caráter temporário?

– É a permissão para que o médico possa fazer uma consulta pela internet, sem precisar olhar diretamente para o paciente…

– Ué, mas alguns médicos já não consultam assim?

Pressão

Depois do pronunciamento do presidente Bolsonaro, prefeitos recebem pressões para liberar o funcionamento do comércio e da indústria.

O prefeito de Corumbataí do Sul, Carlos Caxão, é um dos que confirmou que há pressão para que o comércio seja reaberto:

– “Vai ser impossível agüentar a pressão para manter fechado”.

É a angústia de quem têm muitas com contas a pagar todo final de mês, sobretudo a folha de pagamento de colaboradores.

É uma espécie de escolha de Sofia, entre correr o risco de contrair o vírus ou falir e demitir…

Estádio hospital

A profecia de Lula e de Ronaldo Nazário se confirmou ao contrário; a cidade de São Paulo está construindo um hospital de campanha em pleno estádio do Pacaembu.

Os dois foram os primeiros a defender que o Brasil precisava de estádios e não de hospitais.

Pois então…

A administração do hospital estádio do Pacaembu ficará por conta do Hospital Albert Einstein, que já está contratando mais de 500 profissionais para trabalhar no local.

A Copa da roubalheira e a Olimpíada da corrupção deixaram este triste legado…

E Lula ainda acha que tem moral para criticar as ações do governo nesta pandemia…

Teimosia

Carros de som percorrem as ruas de Umuarama pedindo para que as pessoas fiquem em casa.

Não raro, o aviso pega no flagra moradores fazendo caminhadas, corridas, passeios e prática de exercícios.

E não são apenas os idosos os mais teimosos…

Gasolina

Preço da gasolina em refinaria da Petrobras já é o menor desde 2011.

Mas, nas bombas, os preços são de 2030.

De janeiro até agora, o preço despencou 40% na refinaria.

Caiu 15% de uma só vez nesta terça-feira.

Nas bombas continua a cobrança como se o barril de petróleo ainda custasse 130 dólares.

Como ninguém vai preso, vai continuar assim.

Ele disse:

Entendo que Jair Bolsonaro está correto na tese de isolar os grupos de risco e fazer o Brasil voltar ao trabalho, mas errou no tom. Diante da situação, é preciso passar confiança para pessoas retomarem suas vidas. As provocações não ajudaram nisso. É como vender remédio em frasco de Qboa”.

De Paulo Eduardo Martins, deputado federal.

Das redes

A turma das redes não perdoa nem que doa:

– Engraçado é que o Bolsonaro só respeita recomendação médica quando é para fugir de um debate, né?

Ô raça!

Trilha sonora

Esta coluna foi escrita ao som de Sílvio Brito, com destaque para ‘Tá todo mundo louco’ e ‘Pare o mundo que eu quero descer’.

Metafísico

Já que estou preso, quando é a visita íntima?

Aviso

Ministério da Saúde avisa:

– Excesso de fake news sobre coronavirus causa mais mal do que o coronavirus…

E já que perguntar não ofende…

Não tem nenhuma ONG que atua na defesa da população contra o coronavirus, não, é?

Deputados pedem isenção

de pedágio para caminhoneiro

O Deputado Estadual Delegado Fernando Martins e outros deputados da Assembleia Legislativa do Paraná assinaram, nesta terça-feira (24), um requerimento solicitando ao Governador do Estado, Carlos Massa Ratinho Junior, a suspensão da cobrança das tarifas de pedágio aos veículos responsáveis pelo transporte de cargas em todo território paranaense, independentemente de sua origem ou destino. O pedido terá validade enquanto durar a situação de emergência de saúde pública motivada pela pandemia de Coronavirus. O Governo do Estado já adotou uma série de ações para facilitar o trabalho dos profissionais do transporte rodoviário de cargas para garantir a saúde dos caminhoneiros. A normativa prevê que serviços de alimentação como restaurantes e lanchonetes localizados nas rodovias devem permanecer abertos. O mesmo vale para empresas de manutenção dos veículos, como mecânicas, socorros e borracharias. Para o Delegado Fernando Martins “é muito importante a isenção do pedágio para estes profissionais, pois são eles que garantem o abastecimento de produtos em nosso Estado neste período de combate ao Covid-19”.