Aragão Filho

16/04/2019

Aragão Filho

16/04/2019 07H26

Jubilado

Se passar como foi enviada pelo governo ao Congresso, a proposta de reforma da Previdência acaba com a aposentadoria por idade para deficientes e elimina as diferenças entre homens e mulheres.

As mudanças prejudicam mais as mulheres deficientes: elas terão de contribuir até sete anos mais, enquanto para os homens o aumento é de no máximo dois anos, havendo, em outros casos, redução de cinco anos no tempo, conforme a deficiência. Hoje os deficientes podem escolher entre dois tipos de aposentadoria, por idade ou tempo de contribuição.

Cansou

O presidente da Paraná Pesquisas, Murilo Hidalgo, declarou que “a lava jato cansou o brasileiro” por fadiga acerbada.

Para o povo, a repetição do assunto corrupção já deu.

Mas o combate a corrupção está apenas começando.

Mas o povo não quer mais ouvir falar no assunto.

Mesmo que a corrupção lhe roube o futuro.

Custo

O eleitor pode até não ter visto nenhuma ação relevante da bancada do Paraná na Câmara Federal, mas, em apenas dois meses de mandato, cada um dos 30 deputados federais paranaenses gastou R$ 204.411,82 apenas com o pagamento de salários de assessores em cargos comissionados.

O gasto total com esse tipo de despesa passou de R$ 6,1 milhões.

Patologia

O deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ), da bancada evangélica, tem reunido especialistas para propor tratar a homofobia como “patologia psiquiátrica”. Para aliviar a pressão da bancada, ele assumiu com os presidentes da Câmara e do STF, Rodrigo Maia e Dias Toffoli, o compromisso de encontrar uma solução para o impasse a partir da criminalização da homofobia.

Então, o parlamento decide que será feita avaliação por uma junta médica, e, sendo o caso, será aplicada como agravante aos crimes de lesão corporal e homicídio.

No Brasil moderno, deputado cria leis, cria bois, cria factóides, cria patologias, só não cria um país melhor…

Nota 10

Nota 10 para todos que atuam direta e indiretamente na Guarda Mirim de Umuarama pela sensibilidade em encontrar soluções que permitam que os garotos ali atendidos tenham condições de freqüentar os cursos e atividades oferecidos pela instituição.

A Guarda Mirim de Umuarama é um inspirador exemplo de atuação com adolescentes.

Escrito apenas ontem…

A democracia é um erro estatístico, porque na democracia decide a maioria e a maioria é formada de imbecis.

– Jorge Luis Borges.

Tarifa

A prefeitura de Araucária fez, no início de 2018, uma revisão no contrato que mantém com a empresa que faz transporte coletivo na cidade e fez o preço cair de R$ 4,25 para R$ 2,90.

Ontem, passou a vigorar nova tarifa, ainda mais baixa, de R$ 2,65.

Enquanto isso em Brasília são 19 horas…

Descrente

Bolsonaro ‘não acredita totalmente’ no que diz sobre nazismo, disse o general Mourão ao jornal The Washington Post.

Digo mais; Bolsonaro não só não acredita no que diz sobre o nazismo ser de esquerda, por exemplo, como não tem a menor idéia do que foi o movimento de Hitler.

Pela ignorância, está perdoado…

Amigo do amigo

O ministro do stf, Alexandre de Moraes, censurou reportagem que aponta codinome de Dias Toffoli, presidente do supremo, em troca de e-mails de Odebrecht.

Encrencados em corrupção dos demais poderes podem ter os nomes divulgados sem problemas.

Do supremo não pode.

A censura está de volta.

Agora vai

Bolsonaro proibiu o uso de sete pronomes de tratamento.

Estão banidos: Vossa Excelência ou Excelentíssimo, Vossa Senhoria, Vossa Magnificência, doutor, ilustre ou ilustríssimo, digno ou digníssimo e respeitável.

Só pode ser usado o pronome de tratamento ‘senhor’ [ou ‘senhora’], independentemente do nível hierárquico, da natureza do cargo ou da função ou da ocasião.

Era o que faltava para o Brasil retomar o bom rumo…

Ai meus sais…

Metafísico

Os 60 milhões de brasileiros que Lula e Dilma tiraram da pobreza voltaram a ser pobres só de pirraça contra o capitão Bolsonaro, é?

Ele disse:

Nós temos que ter um encontro com a verdade: se não fizer a reforma da Previdência, todo mundo quebra. Não é governo, não é o setor privado. Todo mundo vai se afogar junto. É uma necessidade de sobrevivência da nação. Agora, eu acho que a reforma tem que combater em especial os privilégios.”

De Ratinho Junior.

Nova política

A bancada do Paraná na Câmara não fez muita coisa pelo estado nestes primeiros dois meses de mandato, mas torrou mais de R$ 6 milhões apenas com salários de assessores comissionados.

Cada deputado federal gastou, em média, mais de R$ 200 mil.

E viva a nova política!

Pena de morte

É quase uma pena de morte profissional o que aconteceu com o advogado Denian Couto, acusado de ameaçar de morte a noiva.

Ele já não conseguia mais sair às ruas em Curitiba, nem mesmo ir aos locais onde lecionava; Opet, Unicesumar e ABDConst.

Isso além de perder o bom emprego no Grupo RIC.

Diante do ambiente hostil, ele resolveu deixar a cidade e tentar a vida em outro endereço; foi para o Rio de Janeiro.

Feira

Um amigo feirante contou que já começou a aumentar o movimento de pré-candidatos passeando e entre as barracas, cumprimentando tudo o que se move.

Até palha de coqueiro ganha um bom dia se o vento lhe sacudir as folhas.

Todo período que antecede as campanhas é assim…

Ruim para os feirantes é que este tipo de freqüentador não gasta nada na feira…

Sem secretário

Seguindo o modelo que está dando certo em Santa Catarina, o Paraná pode acabar com a Secretaria de Segurança.

No vizinho estado, o governador, Comandante Carlos Moisés (PSL), montou um Colegiado de Segurança Pública e aposta na tecnologia para manter um dos melhores índices da área no país.

Está indo tão bem que Sérgio Moro quer copiar o modelo.

Volta às origens

O governador de São Paulo, João Doria, está se assenhoreando do PSDB, já que não tem ninguém com maior expressão, votos e dinheiro no partido;

Doria disse o PSDB poderá mudar de nome, caso seja recomendado pela pesquisa encomendada para avaliar entre outras coisas a possibilidade de uma mudança na identidade tucana.

Pode, se quiser, voltar se chamar PMDB, de cuja barriga corrupta saíram os fundadores do tucanato, Franco Montoro, José Richa, Fernando Henrique Cardoso, José Serra…

PMDB voltou a se chamar MDB e a sigla está liberada…

Os políticos acreditam piamente que é a sigla que está queimada com o eleitor, quando, na verdade, são os políticos, e o modus operandi da política brasileira, que cansou o eleitor.

Boteco do Léo

Está chegando o dia de a cidade receber um boteco musical como todos que apreciam festa boa esperam.

O Centro de Eventos Harmonia vai receber o Bar do Léo no dia 20 de abril, sábado.

Na reta final antes do espetáculo, aumenta a procura por ingressos, por isso não deixe para a última hora.

Informe-se sobre reservas de mesas, bistrôs e camarotes na secretaria do Harmonia, fones (44) 3056-6504 e (44) 98827 – 4928.