Aragão Filho

Coluna

Aragao Filho

12/12/2020 06H31

Mudanças nas paróquias

Como ocorre anualmente, todo o clero da Diocese de Umuarama se reúne na próxima segunda-feira, dia 14, para tratar de assuntos da Igreja e de transferências de padres nas paróquias.

Há muita expectativa entre paroquianos, clero e as comunidades em geral.

Dom João Mamede Filho, bispo da Diocese de Umuarama, poderá fazer o anúncio ainda na parte da manhã de segunda-feira.

Haverá transmissão pela Inconfidência – FM e redes sociais da Diocese.

Papo rápido

– Multibilionários são minoria em nosso país…

– Deve ser por isso que recebem tanta proteção do Governo, devem estar sendo protegidos pela lei das minorias abastadas.

Escrito apenas ontem…

Te falei que estou fazendo terapia de regressão? Agora estamos na Idade Média e, olha, é a cara do Brasil.

– Carlos Castelo.

Policromático

Sociopatas X esquerdopatas, haja patas. Vai acabar ‘empatada… ’

Cadeia nova

A transferência de 60 presos já condenados para a nova cadeia de Campo Mourão mobilizou dezenas de agentes do Departamento Penitenciário, com apoio de várias equipes do 11° BPM.

A cadeia velha foi feita para 64 presos, mas estava com mais de 200.

A cadeia nova tem capacidade para 382.

Enquanto isso em Brasília, são 19 horas…

Arapucas

Coisa feia, hein?

Perdeu a eleição de prefeito e agora fica armando ‘arapucas’ para o sucessor começar a administrar a partir de janeiro já enfrentando dificuldades ‘criadas’.

Olha o castigo!

Metafísico

Votou em vereador de forma descuidada, agora nem liga para quem vai ser o presidente da Câmara e quer que as coisas melhorem, é?

E já que perguntar não ofende…

As redes sociais são mesmo o novo ponto de encontro dos fugitivos dos livros?

Já começou

Acredite se puder; a campanha para deputado já está na boca dos formadores de opinião e já tem apostas na praça sobre quem tem chance de ser consagrado nas urnas.

Não é cedo não?

Vaca louca

O novo ministro do Turismo, Gilson Machado, é sanfoneiro e tem uma banda chamada Brucelose.

Agora vai…

Trilha sonora

Só porque hoje é sábado, a coluna foi escrita ao som da doce e talentosa Karen Dalton.

Something On Your Mind soou em volume um pouco mais elevado porque a vizinhança solicitou…

It Hurts Me Too idem…

Quer mais feira

Com duas feiras funcionando simultaneamente, ontem, sexta-feira, e ainda havia maluco querendo saber porque não vai ter feira domingo.

Vai gostar de feira assim lá na…feira…

Amanhã não tem, mas no outro domingo estará liberada, já que o novo decreto da Prefeitura entra em vigor na segunda-feira.

Muvuca

Um amigo lojista acaba de voltar de São Paulo, aonde foi em busca de mais alguns produtos para reforçar o seu estoque e as vendas de fim de ano.

Voltou com uma dúvida depois da gigantesca aglomeração que enfrentou nas ruas de comércio popular na região da 25 de Março:

– Coronavírus não pega em muvuca?

Deu ruim

Candidato que mesmo sabendo que estava com covid e deliberadamente andou espalhando vírus nos últimos dias da campanha eleitoral poderá ser responsabilizado na Justiça.

Ouvi que apenas um candidato teria contaminando mais de 20 pessoas.

Eleição

Gleisi Hoffmann, e a parte mais fanática do petismo acreditam que a Venezuela é democrática só porque tem eleição.

Ora, não seja por isso; a Coreia do Norte também tem…

Membro da Frente Parlamentar dos Pedágios,

Delegado Fernando Martins quer tarifas acessíveis

O deputado Delegado Fernando Martins (PSL), integrante da Frente Parlamentar dos Pedágio na Assembleia Legislativa do Paraná, defendeu nesta semana que os novos modelos de concessão e cobrança sejam vantajosos para a população. Em reunião virtual da Comissão nesta semana, o parlamentar afirmou que não se pode mais aceitar que os valores cobrados impeçam as pessoas de exercer o direito de ir e vir. “O paranaense cansou de pedágios abusivos então nós temos que lutar por um pedágio digno e rodovias de qualidade. Sabemos da importância das obras e sabemos da importância da cobrança do pedágio para a manutenção de obras e das rodovias, mas nós também queremos não ser mais extorquidos como é hoje. Gostaríamos de ter o nosso direito e ir e vir preservados porque hoje muitas pessoas acabam não viajando por conta dos abusivos preços dos pedágios”, afirmou.
Novo modelo

A necessidade da discussão de um novo modelo para os pedágios do Estado acontece por conta do fim dos contratos com as atuais Concessionárias. Com isso o Paraná decidiu repassar diversos trechos, que hoje estão na responsabilidade do Estado, para o governo Federal, que irá fazer todo o processo de licitação para repassar a iniciativa privada. Segundo o deputado, o governo Federal tem participado ativamente das discussões a partir da bancada federal do Paraná na Câmara em Brasília e do empenho do próprio presidente da república, Jair Bolsonaro.

Convênio garante R$ 1 milhão para o

Parque Industrial de Cafezal do Sul

Cafezal do Sul – O prefeito de Cafezal do Sul, Mario Junio Kazuo da Silva, o popular Juninho, juntamente com o deputado estadual Alexandre Curi e com o secretário de Estadual de Desenvolvimento Urbano, João Carlos Ortega, assinaram nesta semana o convênio de R$ 1.000.000,00 para construção de barracões industriais para geração de emprego em Cafezal do Sul.

Juninho informou que, em menos de 30 dias foram protocolados o pedido, o projeto, e na quarta-feira passada já ocorreu a assinatura do convênio. “Essa é uma proposta assumida durante a campanha, já estamos empenhados no segundo mandato e somos gratos porque começamos muito bem mais esta jornada”, disse.

O prefeito disse ainda que certamente essa é uma conquista que irá marcar mais uma etapa de avanço no desenvolvimento do município. Já existem mais de 10 empresas com carta de intenção para a instalação de seus negócios no parque industrial de Cafezal do Sul. “Mais do que nunca, em tempos de pandemia, gerar emprego irá trazer grandes benefícios, fortalecer o comércio local e beneficiar todas as famílias”, comentou.

O Parque Industrial do município possui 37 mil metros quadrados, sendo 500 metros de frente para a rodovia PR 323, o que o torna ainda mais atrativo para os investidores.

O espaço já conta com as instalações da SANEPAR, em breve serão executadas as galerias com recursos próprios, além da pavimentação que já está garantida e as instalações de energia elétrica que chegarão dentro de alguns dias.

“Agradecemos mais uma vez a parceria com o deputado Alexandre Curi e com o secretário de Estado João Carlos Ortega, que não medem esforços para contribuir para o desenvolvimento de Cafezal do Sul e de toda a nossa região” , destacou prefeito Juninho.

Prefeito Juninho (dir.) com o secretário Ortega e o deputado Alexandre Curi exibindo o convênio assinado

Comemorando a conquista, o prefeito Juninho assina o documento