Esportes

Qualidade de Vida

Aikido trabalha a saúde da mente e do corpo em harmonia com o mundo

Luiz Fernando Machado Delgado 30/09/2019 08H37

aikido-umuarama-italo

A vida moderna transformou o ser humano em uma máquina de produção. Tal situação acaba gerando tensões durante o dia a dia, que vão extravasar e prejudicar o corpo e a mente. Mas como desligar do mundo ainda não é possível, a filosofia da arte marcial Aikido pode ajudar nestas situações.

Ultimamente o Aikido vem sendo conhecido principalmente pela sua filosofia utilizada por personagens em séries como La Casa de Papel e Walking Dead. Dentro da visão da arte marcial japonesa, é possível trabalhar as forças agressivas que chegam até você contra o próprio o oponente.

Desta forma, a prática do Aikido entra como o ponto de equilíbrio para o corpo e mente, promovendo o controle das emoções, sentimentos e o estresse dentro do autoconhecimento.

Em Umuarama, a arte marcial foi introduzida pelo sensei Italo Domingos Fioravanti Júnior, mestre de 5º grau de faixa preta – um dos mais graduados aikidocas do Paraná. Segundo o sensei, a arte se baseia na conduta de não chocar violência com violência, o que geraria mais estresse e não o fim do conflito. O interessante seria harmonizar e utilizar a força do oponente para esse fim.

Filosofia

Ao longo da vida, somos ensinados a reagir às agressões com mais agressões, seja de forma física, mental ou emocional. Essa atitude acaba prejudicando o equilíbrio da saúde. Na visão do Aikido, a melhor opção é o redirecionando da força adversária, ao invés de combatê-la diretamente.

O Aikido tem algumas conotações, a primeira é a marcial de luta e defesa pessoal. Muitos alunos procuram esse conhecimento marcial. Mas não é só isso”, explicou.

O Aikido é uma atividade física diferenciada, pois não existe competição ou torneio, cada um segue seu ritmo. Tem também o aspecto da filosofia oriental, que traz disciplina, respeito à hierarquia e o autoconhecimento por meio da prática. Por isso, não falamos vamos lutar, mas treinar. Um aprende com o outro, respeitando o corpo do outro e aí cresce no aprendizado”, explicou.

umuarama-aikido

Quem pode treinar?

Por não utilizar a força física, homens, mulheres, crianças e idosos têm as mesmas condições na prática. O treino respeita a personalidade de cada praticante e sempre tem a preocupação de preservar a integridade física. Neste cenário a sua evolução é individual e inerente à disciplina dentro e fora do tatame.

Apesar de todo o seu foco em mente e corpo, se engana quem acredita que a arte marcial não é eficaz na defesa pessoal, pelo contrário, a sua eficácia defensiva somada ao controle pessoal ajuda na condução operacional de distúrbios e por isso o Aikido foi levado às academias policiais. “O Aikido me trouxe segurança no trabalho, porque em qualquer situação visa sempre não ferir o oponente, fazendo com que a gente consiga se defender e imobilizar sem causar lesão”, disse o policial civil, Nilson Lançoni.

Aikido Umuarama

A história do Aikido Umuarama começou com a vinda do sensei Italo Domingos Fioravanti Júnior para Capital da Amizade. Italo era aluno, em Curitiba, do sensei Rodolfo Reolon, que atualmente é faixa preta 6º grau de Aikido. Desta forma o Aikido Umuarama segue uma linha tênue com a história do Aikido mundial, pois Reolon fui aluno interno no Dojo Central de Aikido do mestre Kawai (Shihan) em São Paulo e Kawai aprendeu a arte diretamente com o criador do Aikido O´Sensei Morihei Ueshiba no Japão.

O Aikido segue uma rígida linhagem, é muito organizado em questão de documentação. Os exames aplicados aqui são semelhantes aos do Japão, pois o Aikido Umuarama é filiado a Federal de Aikido do Estado do Paraná, que é ligada diretamente ao dojo central no Japão”, explicou Fioravanti.

História

O Aikido foi desenvolvido pelo mestre Morihei Ueshiba (1883-1969), aproximadamente entre os anos de 1930 e 1960, como um compêndio dos seus estudos marciais, filosofia e crenças religiosas. O Aikido é, frequentemente, traduzido como “o caminho da unificação (com) da energia da vida” ou “o caminho do espírito harmonioso”. O objetivo de Ueshiba era criar uma arte em que os seus praticantes pudessem se defender a partir do ataque adversário. O cerne desta arte marcial orbita em torno do uso pragmático da energia num combate, no controle desse fluxo, o chamado Ki.

aikido-paraná-brasil

Serviço

Em Umuarama, os treinos são realizados na avenida Rotary, 3216, na academia Studio Art’Corpus.
Mais informações podem ser obtidas na Fanpage Aikido Umuarama:
https://www.facebook.com/Aikido-Umuarama-126440014197297/ ou pelo telefone (44) 99948-0856.