Umuarama

Infraestrutura

Aeroporto de Umuarama deve receber o primeiro voo da Azul em setembro

15/07/2019 08H39

As obras de adequação no aeroporto municipal de Umuarama para operação com linhas comerciais e recebimento de aeronaves de grande porte estão no final. Os equipamentos de operação serão adquiridos nos próximos dias. E o secretário estadual da Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, confirmou à reportagem do Ilustrado que a previsão é iniciar a operação com voos da Azul no dia 9 de setembro próximo.

A data do dia 9 também já foi acordada entre a Prefeitura e a empresa que anuncia a linha ligando Umuarama e Curitiba, inicialmente uma vez por semana, mas com previsão de ampliação em pouco tempo, dependendo da demanda local e regional.

Sandro Alex fez a afirmação ao descer no aeroporto na última quinta-feira e após conversa com o prefeito Celso Pozzobom. O secretário diz que o Governo Estadual é parceiro nas obras de adequação do aeroporto e também no acordo para o funcionamento da Azul por entender que uma linha aérea permanente em Umuarama vai contribuir na conquista de novos investimentos empresariais para toda a região.

A Prefeitura de Umuarama, por meio do secretário de Indústria e Comércio, Douglas Bácaro, informou que o município trabalha com cautela para a confirmação da data da inauguração e do primeiro voo da Azul, porque, além das obras e equipamentos, vai depender da liberação provisória da Agência Nacional de Aviação Comercial (Anac). A administração municipal definiu o dia 30 de julho para novos contatos com a Azul a fim de ratificar o dia de 9 de setembro, se toda a documentação estiver andando conforme o previsto.

Bácaro adiantou que o cronograma da finalização das obras está em dia e nesta semana está sendo publicado o edital para a compra do mobiliário da estação assim como dos equipamentos de segurança. E o pessoal que fará a operação do Raio X no embarque dos passageiros já está fazendo um curso na Unipar com uma empresa de Minas Gerais. Ao todo, estão sendo treinadas 21 pessoas. “É um anseio da população ter logo o aeroporto em condições de voos comerciais e estamos fazendo o possível para pôr logo esse projeto em prática”, disse.

INVESTIMENTOS

O investimento no aeroporto é estimado em R$ 7 milhões para movimentação de terras, aterro, ampliação e deslocamento (ampliação) da pista, recape asfáltico, ampliação do pátio de manobras, transferência do posto de abastecimento e ainda a ampliação do terminal de embarque e desembarque, com esteira de bagagem, abrigo e acesso pavimentado para o veículo de combate a incêndios, acessibilidade e aquisição de novos equipamentos de comunicação e operação.