Umuarama

Mercado

Lista do Procon com os menores preços de combustíveis varia R$ 0,31

27/02/2019 09H06

A Secretaria de Proteção e Defesa do Consumidor – Procon Municipal – divulgou na terça-feira, 26, pesquisa de preços de combustíveis com ênfase nos menores valores praticados pelo mercado local. A tabela será divulgada nas redes sociais do município e disponibilizada à imprensa duas vezes por semana, com os cinco menores preços do litro da gasolina comum, etanol hidratado e óleo diesel S-500, com base no aplicativo Menor Preço – Nota Paraná, disponibilizado pelo governo do Estado.

O coordenador do Procon e secretário de Proteção e Defesa do Consumidor, Aparicio Bernardo Calderaro Júnior, lembra que o objetivo é informar ao consumidor onde é possível economizar na hora de abastecer o veículo, estimulando a concorrência. “Como a divulgação dos menores preços acredito que daremos uma boa contribuição à população, pois o consumidor terá melhor noção dos valores sem precisar fazer pesquisa”, afirmou.

Mesmo considerando apenas os cinco menores preços, a primeira tabela traz uma diferença significativa que varia de R$ 0,10 no litro da gasolina, R$ 0,09 no álcool e de R$ 0,31 no diesel. “São valores que fazem diferença quando apurada a despesa mensal com combustíveis, ainda mais para empresas e pessoas que utilizam bastante o veículo”, apontou Calderaro Júnior.

No momento da pesquisa, o litro mais barato da gasolina foi encontrado a R$ 4,08 nos postos Umuálcool e Pinguim Auto Posto. O litro do etanol mais em conta também foi encontrado nestes dois postos (R$ 2,79) e o diesel mais barato era vendido pelo Posto Tupã (R$ 2,99). A tabela (anexo) traz os preços praticados pelos demais revendedores posicionados entre os cinco com melhor preço para combustíveis a varejo no mercado.

“Vale lembrar que os preços estão sujeitos a alterações no decorrer do dia, portanto é necessário ficar atento às variações”, apontou o coordenador do Procon. Os preços dos combustíveis (por município) também podem ser consultados na Agência Nacional do Petróleo, através do link https://preco.anp.gov.br/include/Resumo_Por_Estado_Index.asp, com pesquisa atualizada semanalmente.1