Arquivo

13?06?2021

SER ÍNTEGRO, EQUILIBRADO E AUTÊNTICO É OBJETIVO DE TODO HOMEM NO PROCESSO DE EVOLUÇÃO

12/06/2021 16H14

Maxwell Maltz (1.899 – 1.975), foi um cirurgião que desenvolveu a psicocibernética – um sistema empregado para melhorar a autoimagem e a autoconfiança, de modo a conduzir a uma vida mais bem sucedida. A psicocibernética foi sem dúvida a maior realização de Maltz. Essa ciência afirma que todos nós, desde crianças, temos dentro de nós mesmos formada uma imagem pessoal, que funciona como um objetivo para o inconsciente, e acaba nos levando para uma determinada direção, querendo nós conscientemente ou não. Dessa maneira, uma imagem positiva acaba levando para um caminho favorável uma imagem negativa para um caminho desfavorável. É dele a frase: “A autoimagem é a essência da personalidade e do comportamento humano”.
Ser um homem íntegro é um objetivo que todos gostaríamos de alcançar, todavia, não sabemos que a integridade supõe um processo de evolução que já se percorreu antes de chegar a ela. A integridade é o equilíbrio da autenticidade. O homem íntegro, o homem que tem uma personalidade definida e vigorosa, sabe muito bem o que deve fazer e, saindo de dentro, não se deixa levar pelas flutuações circunstanciais.
Vivemos tempos em que é preciso definir-se, enfrentar as consequências sem atitudes que envergonhem, embora sem estúpidas ostentações. Lutar por defender as ideias nas quais acreditamos palpitar a realidade do mundo em que vivemos, dizer não às atitudes passivas ou conformistas, dizer não às contemporizações, aos panos quentes.
Definir-se, atuar com retidão e sem fingimentos, porém com transparência e decisão. Desenvolver nossa atividade sem dramatismo, mas sem medos que a nada levam. Dar um testemunho simples por suas maneiras, porém firme por sua permanência e definido por sua transparência.
Ser as mãos que aliviam, os olhos que orientam, os braços que ajudam, as mentes que criam soluções. Mergulhar no mundo, para mudar-lhe as estruturas injustas, criando novos ambientes que possibilitam e facilitam a vida do mútuo amor.
Sendo assim, o objetivo passa a ser lutar por essa profunda renovação interior, que fortalece e tempera, para produzir mudança no ambiente em que atuamos.
Maltz nos ensina que: “Há dentro de cada um de nós um ‘instinto de vida’, que está sempre trabalhando para a saúde, felicidade e tudo o que contribui para mais vida para o indivíduo”. Essa potência de vida interior (integridade) deve ser cuidada com todo carinho através de pensamentos e ações positivas direcionadas ao serviço do próximo.
Portanto, ser íntegro não é somente caminhar, mas caminhar sabendo para onde vai, afinal de contas, quando um homem sabe para onde vai, o mundo se afasta para dar-lhe força e importância. Pense nisto!

Luís Irajá Nogueira de Sá Júnior
Advogado no Paraná – Palestrante
Professor do Curso de Direito da UNIPAR
iraja@prof.unipar.br