Karina M. Fernandes

05/09/2021

Respeito, empatia e humanidade

10/09/2021 16H18

Jornal Ilustrado

Por Karina M. Fernandes Portella

O mês de setembro iniciou e com ele mais uma campanha de prevenção ao suicídio. A campanha do Setembro Amarelo visa conscientizar a população sobre a importância do cuidado à saúde mental, sendo o dia 10 desse mês, oficialmente, o Dia Mundial da Prevenção do Suicídio. Você sabia que, a cada 45 segundos, uma pessoa tira a própria vida? Anualmente, são registrados aproximadamente 1 milhão de suicídios em todo o mundo. Segundo a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), os jovens de 15 a 29 anos estão entre o maior público que comete o ato de tirar a própria vida. A cada uma dessas mortes, centenas de pessoas são afetadas de maneira profunda pelo comportamento suicida. Sem contar os casos de pessoas que chegaram a tentar e muitas outras que apresentam sérios problemas de ideação. Nós enfrentamos ainda muitos estigmas acerca do suicídio. Temos a tendência de ignorar nossa saúde mental: quando estamos com dor de dente procuramos um dentista. Quando estamos doentes, procuramos um médico. Mas quando o sofrimento é psíquico… Preferimos acreditar que provavelmente irá passar. Muitas pessoas ainda acham que psicoterapia e psiquiatra são “coisas de louco”. Se fizermos uma análise mais global, veremos que nosso país se encontra numa situação adoecedora. São diversos os aspectos que impactam a saúde mental e essa pauta anda de mãos dadas com iniciativas de promoção de saúde pública e, sem estas, não há garantia de saúde mental coletiva. Por último, mas não menos importante, é necessário buscar ajuda profissional. Nós não podemos ver as dores que cada um carrega dentro de si e o peso dos pensamentos. Precisamos revisitar nossas crenças, abandonar julgamentos e compreender que, quando se trata de prevenção, o mais simples pode ser o mais importante: acolher o sofrimento, afirmar os modos de existência, valorizar os vínculos, reforçar os laços com a vida com respeito, empatia e humanidade.

A autora é psicóloga

karina-1103@hotmail.com